segunda-feira, 12 de novembro de 2018

INDECISIÓN, Poema Musicado!




El vaivén de esas olas
Recuerda mucho la indecisión,
Sentimiento ardiente
Que asola el corazón.

Quisiera saber el origen
De esa dicha realidad,
Y por qué el ser humano
No asume su humanidad.

Sería todo tan simple,
Sería todo real,
No dejaría a nadie
Atropellar lo natural.

Pues en la vida el gran encanto
Es dejarse encantar.
En la mayor simplicidad,
Vivir lo que tenga que amar.

Sin demoras o demandas
Que implican en refutar,
Pero con parsimonia y ligereza
¡Qué implican en aceptar!

Letra: Eneida D M
Arranjo e Voz: Fernando Luna
Edição: Gusta

terça-feira, 6 de novembro de 2018

AMAR VOCÊ, Poema Musicado!





Em seu caminho eu encontro o meu caminhar,
Chego a porto antes nunca atracado,
Sou feliz, escolhi tão belo ser
Para amar, e dele igual amor receber.


Seu olhar conquistou meu coração,
Seu sorriso provocou-me emoção
Desconhecida por toda a vida,
Exultada da forma mais rica.


Fecho os olhos, ainda custo a crer
Que a busca culminou em receber
Em meus braços ardentes e preparados
O amor por décadas sonhado.


No compasso de saber agradecer,
Curvo-me à natureza para dizer
Que, ainda se mil anos eu viver,
Viverei somente para amar você!

Letra: Eneida D M
Arranjo e Voz: Fernando Luna
Edição: Gusta

segunda-feira, 22 de outubro de 2018

EU QUERO, Poema Musicado!



Quero realizar os meus sonhos
Como os vejo no coração e na mente,
Mas quero, antes de tudo,
Que Jesus os abençoe na frente.

Quero amar as pessoas,
A todas, individualmente,
Quero que a humanidade
Um dia desperte decente.

Quero caminhar com firmeza;
Quero proceder de forma reta;
Quero que meu canto seja livre,
E creio que só a verdade liberta.

Quero encontrar muitas pessoas
E delas receber tantos abraços;
Quero desejar-lhes só o bem,
O mesmo que de volta pra mim vem.

Quero adotar o respeito
E que ele seja constante;
Quero dentro do meu peito
Um claro de sol brilhante!





Poema musicado por Fernando Luna
Youtube; Um convite ao mundo da poesia



quinta-feira, 18 de outubro de 2018

CHEIA DE LUZ, Poema Musicado!

Minha mãe santa e amada,
Tão singela, tão cheia de luz,
A sua intercessão perene
É fonte que a Deus conduz.
Foi momento bem marcante,
Quando disse o seu sim,
Trouxe para a humanidade
Aquele que nos indica
O começo, o meio e o fim.
Sou feliz, sinto o amparo
Da mãe de devoção pura,
E em toda a minha vida
Sinto que sua mão a minha segura.
De bondade imensurável,
Na paz está sempre atenta,
E o anseio dos seus filhos
Logo a encontra e a nós alenta.
Leva ao Pai os sofrimentos,
Os quereres e as discórdias,
Pois sabe que o poder dEle
Traz pra nós misericórdia!





Letra: Eneida D M
Arranjo e Voz: Fernando Luna
Edição: Gusta



*CAIÇARA DO NORTE



Caiçara pequenina,
Se parece uma menina,
Que nunca desabrocha,
Pois prefere toda a vida
Viver na pesca e na prosa.

Na pesca do voador,
Peixe nativo e provedor
De toda a sua gente.

A prosa fica por conta
Daqueles que a emprestam sem contenda,
Olhando a Maria Teresa,
Navio que afundou,
E o que é real virou lenda.
O dia nasce e dorme,
E esses, muito orgulhosos,
Vivem a repetir:
Sou de Caiçara do Norte!

O farol é imponente,
As dunas, o vento levou.
Mas, naqueles aos redores,
O morro um dia roncou.

Antes de o vento levar,
Naquelas dunas pequenas,
Tão branquinhas e serenas,
E nós, ainda crianças,
Fazíamos uma gritaria,
E aquela brincadeira,
Comportava coreografia.

Um dia essa cidade
Tão bacana foi pacata,
E a nossa diversão
Era fazer serenata.
A esquina do pecado
Era a praça apreciada.

Bem perto fica São Bento,
Como fosse a capital,
Bem cuidada e garbosa,
E num tempo mais remoto
As crianças estudavam
No João Ferreira da Rocha.

Em Caiçara fui feliz,
Como sou em todo canto,
E no peito abro espaço
Para um beijo doce e franco!
(Eneida D M)


*Revisada e alterada alguns termos do seu original no Livro PERCEPÇÕES.




domingo, 14 de outubro de 2018

VIDA QUE FLORESCE!

A paz esteja com todos!
Ouso Jesus plagiar,
Mas é mesmo esse sentimento
Que busco em meu coração instalar.

Saúde, família, Deus
São os bens mais preciosos,
Esses eu quero agregar,
Eles me levam ao pódio.

Alegria, Jesus me dá;
Proteção, Ele é meu guia;
Concede-me constantemente
As bênçãos por mim pedidas,
Dentre elas eu incluo
Muitos e muitos anos de vida.

Parabéns, parabéns eu canto
Com empenho e com vontade,
Somente quero agradecer
Por mais um ano que se completa
Da vida que ora vivo:
Um constante florescer!


terça-feira, 9 de outubro de 2018

VAMOS! Poema Musicado!


Vamos passo a passo encontrar um chão,
Vamos reunir todos numa só canção,
Vamos desejar que o mundo seja melhor,
Vamos entender que o amor é o bem maior.
Vamos dar as mãos, seguir e confiar,
Vamos construir pontes que possam ligar
Pessoas que se amam, se estranham, se ferem,
Vamos fazê-las, assim, o amor vivenciar.
Vamos pedir novo dia para celebrar
As conquistas, as vitórias, os degraus a galgar
E quando lá no topo chegar
Proferir o brado que do peito vem brotar.
Vamos trilhar no mundo
Uma nova trajetória,
Vamos instalar o amor inteligente,
Sem medo de declarar o que de bom se sente.
Vamos expandir as primaveras,
Diminuir os invernos da alma,
Que a encolhe e amordaça,
Impedindo o florescer da graça!   






Letra: Eneida D M
Arranjo e voz: Fernando Luna
Edição: Gusta
 
Youtube, no canal: Um convite ao mundo da poesia